Posfácio - A resposta é 42

Posted on: sex, 09/20/2019 - 15:44 By: Mônica Chiesa

Este livro teria de chegar a um fim. Chega um momento, como disse meu editor, em que temos de pensar mais em nossos leitores do que em nós mesmos e que ter um livro que sempre merece um retoque aqui e outro ali é privar os leitores do acesso ao que já está pronto. O Scrum e todos os métodos e processos ágeis são assuntos envolventes, fascinantes e tão dinâmicos quanto os próprios problemas que eles se propõem a atacar. 

Nos anos em que levei escrevendo este livro, muitos dos capítulos reservados a ele acabaram tornando-se artigos que publiquei no Dicas-L, em meu blog profissional ou pessoal. É interessante que, enquanto eu imaginava que isso serviria para dividir meu conhecimento e saciar a curiosidade de meus leitores, mais aticei a cobrança deles por um livro sobre o assunto: este que agora você tem em mãos.

Cinco anos se passaram desde a primeira edição desse livro, um divisor de águas em minha carreira e dos rumos da minha empresa. Ao mesmo tempo em que já vai longe, parece que foi ontem que eu discutia com meu editor, o Rubens Prates, se eu devia ou não escrever esse livro. Até a publicação dele, meu trabalho com métodos ágeis era restrito às equipes sob minha gestão direta e a algumas palestras em eventos. Depois dele, passei a trabalhar como consultor, instrutor e coach de equipes dos mais variados tamanhos e naturezas, em empresas públicas e privadas. A maior receita da BrodTec passou a vir desses trabalhos.

Eu fiquei muito tentado, na segunda e na terceira edição desse livro, a incluir muito mais do que aprendi, nesses cinco anos, sobre métricas, Scrum para grandes projetos em grandes organizações, outras dinâmicas para os ritos do Scrum, mas meu sábio editor sempre diz que cada um desses assuntos cabe em um outro livro e eu retruco que já publiquei muita coisa sobre isso na web, que está disponível para todos, e retomamos a conversa do passado… Ou seja, quem sabe em mais cinco anos eu escreva um outro livro. 

Concordo, porém, e parece que meus leitores concordam comigo, que devo manter esse livro conciso, direto ao ponto. Por isso, o incremento significativo dessa terceira edição é a Parte V, o conjunto de dinâmicas que pode ser usado por equipes que ainda estão aprendendo a ser ágeis ou por aquelas que querem manter seus instrumentos sempre bem afiados.

Pessoas e suas interações sempre acima de processos e ferramentas.

Live Long and Prosper!

A resposta é 42 e jamais esqueças tua toalha.

Ninguém solta a mão de ninguém!

 

Comentar

CAPTCHA Nosso portal usa esse mecanismo para evitar spam.